THE CUT-THROATS (1969)

bscap0377

Mais um trabalho do diretor John Hayes, aquele de SWEET TRASH, que postei aqui logo no início do ano. O sujeito é simplesmente um mestre esquecido do exploitation americano. THE CUT THROATS é o filme da vez, um thriller fuleiro, mas muito divertido, de II Guerra Mundial. O plot básico, a princípio, se passa nos últimos dias da guerra numa versão de OS DOZE CONDENADOS da putaria: Um grupo de soldados americanos é reunido para uma missão suicida numa base nazista para roubar os planos de guerra do alemães.

bscap0359

O filme não enrola muito pra começar, embora logo no início tenha uma sequência totalmente gratuita de um alemão estuprando uma moça que vaga pelo campo, que de tão desnecessária já torna a situação, no mínimo, curiosa. Até porque o “campo” parece mais algum fundo de estúdio na Califórnia… E até onde eu entendo de história, os nazistas não chegaram tão longe… Haha! Mas o planejamento e a execução da missão acontece bem cedo. Os soldados americanos atacam a base e fazem a limpa, eliminam praticamente todos os nazistas no local. Fácil. Só que estamos num exploitation do Hayes, então a missão ou os tais planos de guerra são as coisas que menos importa.

bscap0388bscap0389

O fato é que a base também é ocupada por um grupo de moças sapecas que fazem a alegria da moçada. E a narrativa acaba se construindo em blocos de situações dos soldados e seus envolvimentos sexuais com as mulheres, desde um show burlesco até as mais variadas possibilidades dentro de aposentos, numa noite bem agitada.

bscap0400bscap0412bscap0443

Outra coisa que faz THE CUT THROATS andar é que o plano do líder do grupo americano não é exatamente o que ele contou a seu time. Planos de guerra? Porra nenhuma! o sujeito está realmente atrás é de uma fortuna em jóias roubadas e ouro que os nazistas acumularam durante a guerra. E ele não está muito interessado em compartilhar seus ganhos com qualquer um, nem mesmo com seus companheiros de guerra.

THE CUT THROATS é aquele tipo de produção que parece ter sido realizada num final de semana, na fazenda de algum conhecido, a própria direção de Hayes não é tão caprichada como em SWEET TRASH. Claro, existe uma diferença entre fazer um exploitation urbano e um “épico” de guerra, mas Hayes obviamente não estava muito interessado em qualquer tentativa de refinamento. O processo de edição, pro exemplo, parece ter sido feito com uma motosserra. Não há praticamente nenhum desenvolvimento de personagens além das características mais simplistas oferecidas aos protagonistas e o orçamento deve ter sido mais para conseguir encontrar uniformes e armas, bem como alguns veículos alemães da época da Segunda Guerra Mundial…

bscap0476

Mas como a maior parte do tempo é dedicado às senhoritas na base dos nazistas então qualquer problema orçamentário e de produção tosca fica mesmo em segundo plano. THE CUT THROATS, apesar disso, nunca entra em território hardcore. Mas dá pra tirar proveito de algumas situações mais pervertidas, como a que envolve dois soldados americanos num ménage com uma das prostitutas. O barato é que um dos rapazes fica tão empolgado que começa a acariciar seu amigo… Haha! Ver esse tipo de coisa, mesmo que de uma forma cômica, era bastante ousada para 1969.

Uma das melhores cenas é com a musa de Russ Meyer, Uschi Digard, cujos atrativos lendários figuram em uma sequência totalmente sem pé nem cabeça na qual ela interpreta uma secretária de algum coronel alemão. Ao saber que a guerra está oficialmente terminada, ela simplesmente começa a arrancar a roupa no próprio escritório, diante de seu superior, e seduz um jovem soldado alemão com direito a vinho servido ao pobre rapaz derramando uma garrafa inteira em seu corpo. Eu queria uma secretária dessas…

bscap0458bscap0462bscap0466

Bom, depois dessa eu paro por aqui. THE CUT THROATS é essa loucura tarada e muito divertida e que foi lançado numa versão lindona em Blu-Ray lá nos estrangeiros pela Vinegar Syndrome, uma das melhores distribuidoras atualmente. Mas é o tipo de filme que vai prestar apenas para os amantes de filmes exploitation retrôs dedicados, que sabem se divertir com obscuridades como esta.

Anúncios

Um pensamento sobre “THE CUT-THROATS (1969)

  1. E enquanto isso no Brasil .. o Blu -ray morreu mesmo, nunca vamos ver as perolas do cinema trash com essa aqui postado nesse blog que esta cada vez fantastico em nosso mercado de home video falido .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s