PAINEL DO CINEMA BADASS 2016

captain-america-civil-war-115-reasons-rogue-one-a-star-wars-story-is-a-dark-forces-movie-in-disguise-924293three-2

Começando as postagens de final de ano com a minha tradicional lista de filmes BADASSES. Há alguns anos eu a chamava de Painel do Cinema de AÇÃO, mas como nem todos os filmes que colocava eram exatamente do gênero (entrava crime, thriller, western, policial, épico, sci-fi e etc…), resolvi mudar no ano passado para cinema BADASS… Acho que fica melhor e já abrange essas merdas todas.

Este ano consegui reunir um bom número de exemplares que realmente me chamaram a atenção. Alguns mais, outros menos. A relação está em ordem alfabética e tem margem até 2015, com filmes que acabei só assistindo em 2016. Comecemos com os filmes que se destacaram, ficaram acima do nível geral em termos de badassness em vários aspectos:

13 HOURS: THE SECRET SOLDIERS OF BENGHAZI

13 HOURS (2016), de  Michael Bay
CAPITÃO AMÉRICA – GUERRA CIVIL (2016), de Joe & Anthony Russo
GREEN ROOM (2015), de Jeremy Saulnier
HELL OR HIGH WATER (2016), de David Mackenzie
NICE GUYS, THE (2016), de Shane Black
REGRESSO, O (2015), de Alejandro Gonzales Iñarritu
ROGUE ONE (2016), de Gareth Edwards
SETE HOMENS E UM DESTINO (2016) de Antoine Fuqua
STAR WARS – O DESPERTAR DA FORÇA (2015), de J.J. Abrams
THREE (2016), de Johnnie To
TRIPLE 9 (2016), de John Hillcoat

+

Segunda temporada da série DAREDEVIL, especialmente com a participação do Frank Castle, o Justiceiro (Jon Bernthal) e uma determinada cena que se passa numa prisão, um dos momentos mais brutais de 2016.

Outros treze exemplares que, se não possuem o mesmo nível desses aí em cima, ao menos não são totalmente de se jogar fora (em ordem alfabética):

krovnyij-otets-scene-2

BLOOD FATHER (2016), de Jean François Richet
BODYGUARD, THE (2016), de Sammo Hung
DEADPOOL (2016), de Tim Miller
DOG EAT DOG (2016), de Paul Schrader
INDEPENDENCE DAY: RESURGENCE (2016), de Roland Emmerich
JASON BOURNE (2016), de Paul Green Grass
NEVER BACK DOWN (2016), de Michael J. White
PHANTASM: RAVAGER (2016), de David Hartman
RIOT (2015), de John Lyde
RYUZO AND THE SEVEN HENCHMEN (2015), de Takeshi Kitano
STAR TREK BEYOND (2016), de Justin Lin
TARTARUGAS NINJAS: FORA DAS SOMBRAS, AS (2016), de David Green
TRAIN TO BUSAN (2016) de Yeon Sang-ho

—-

Algumas decepções, filmes que estavam no meu radar e que apostava algumas fichas, mas se revelaram banais ou simplesmente horríveis mesmo…

BATMAN v SUPERMAN

BATMAN VS SUPERMAN (2016), de Zack Snyder
CRIMINAL (2016), de Ariel Vromem
GODS OF EGYPT (2016) Alex Proyas
HARDCORE HENRY (2016), de Ilya Naishuller
MECHANIC RESSURRECTION (2016), de Dennis Gansel
LONDON HAS FALLEN (2016), de Babak Najafi
SAMURAI COP 2 (2016), de Gregory Hatanaka
SUICIDE SQUAD (2016), de David Ayer
TIRA NO JARDIM DE INzFÂNCIA 2, UM (2016), de Don Michael Paul
VALLEY OF VIOLENCE (2016) de Ti West
X-MEN APOCALYPSE (2016), de Brian Singer

Se sentiu falta de algum filme dos últimos dois anos na lista (o que é óbvio, vai ter muito filme faltando), deixe-me saber, porque pode ser que eu não tenha visto ainda e algumas recomendações são sempre bem-vindas.

Painéis anteriores:
20112012201320142015

Anúncios
Esse post foi publicado em Rankings e Listas. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s