THE WAR IN SPACE (1977)

tumblr_lmennblfBj1qzr8nao1_1280

O grande sucesso de STAR WARS inevitavelmente gerou imitações baratas, tanto nos Estados Unidos quanto no mundo afora, que chupavam descaradamente ideias, elementos e até sequências inteiras do filme de George Lucas. Até o Japão, que sempre teve o gênero sci-fi muito bem estabelecido na sua cultura cinematográfica, entrou na dança. Produzido pela Toho, THE WAR IN SPACE, de Jun Fukuda, é conhecido por ser o grande rip-off japonês de STAR WARS. Só que diferente de outras versões que descambam para a picaretagem total, nota-se que o grande blockbuster serve apenas como inspiração por aqui e tirando um elemento ou outro, o filme não tem nada a ver com STAR WARS.

Na trama, uma ameaça alienígena assola o planeta terra. Discos voadores sobrevoam as principais cidades ao redor do globo destruindo tudo que encontram pela frente com potentes raios laser. O governo japonês decide reabrir um projeto chamado Gothen, que consiste numa grande espaçonave, quase indestrutível, para viajar até seja lá onde for e acabar com os responsáveis pela baderna na terra. A coisa fica ainda melhor quando descobre-se que o grande inimigo é um sujeito pintado de verde, com uma vestimenta romana e que possui uma espaçonave que remete aos navios de guerra da antiga Roma. E ele tem também um Chewbacca do mal chifrudo como mascote!!! Ou seja, não dá pra um filme desse ser ruim…

img_2 vlcsnap-2013-12-21-03h02m10s182

No entanto, THE WAR IN SPACE tem sua parcela de problemas e falta algumas coisas para que se torne um grande filme como STARCRASH, do Luigi Cozzi, um dos melhores rip-off de STAR WARS. Talvez falte ritmo em determinados momentos, ou quem sabe um herói carismático, pode ser que tenha faltado foco… Não sei. Não posso reclamar que fiquei entediado enquanto assistia, mas foram outros departamentos que me deixaram ligado, como a dose de ação – as batalhas entre naves são bacanas – e o trabalho visual, os efeitos especiais realizados com cenários e objetos em miniaturas. O resultado é fantástico.

Os elementos que remetem à STAR WARS são facilmente identificados durante a projeção, mas como disse, são bem poucos. Algumas sequências de batalhas de naves, o Chewbacca do mal, mas não vai muito além disso. Até porque se o filme de Lucas foi lançado em maio e este aqui em dezembro de 1977, os realizadores tiveram que adicionar na correria alguns elementos aqui e ali pra não perder a chance de aproveitar o sucesso que Han Solo e sua turma estava fazendo. Mas no geral trata-se de um sci-fi de personalidade, que caminha com as próprias pernas, com cara de aventura espacial japonesa mesmo, e com toda a bizarrice que só poderia sair da mente desse povo de olho puxado, ou vão me dizer esse tipo de detalhe da nave espacial dos heróis poderia ser ideia de algum ocidental?

War In Space (18)

Sim, é exatamente isso! Uma inacreditável nave revólver que “dispara” suas navezinhas de guerra!!!

Fica a sensação, no entanto, de que poderia ser um filme melhor, mais ambicioso. Mas ok… tá de bom tamanho. Não dá pra reclamar de um filme que tem a clara intenção de ser apenas um produto de diversão, com algumas ideias bizarras incríveis, um monte de japoneses em uniformes estilo Bruce Lee em O JOGO DA MORTE correndo e atirando laser, e principalmente um Chewbacca do mal, com seus chifres pontudos e um graaaaande machado! Só pela presença de tal criatura, já valeu a pena conferir THE WAR IN SPACE.

War In Space (36)

Fica o aviso: CUIDADO COM O CHEWBACCA DO MAL!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s