BIOHAZARD (1985)

biohazardFilme de início de carreira de Fred Olen Ray, o homem por trás de uma porrada de bagaceiras deliciosas como HOLLYWOOD CHAINSAW HOOKERS e que possui no currículo mais 100 filmes como diretor. BIOHAZARD é uma mistura muito bizarra de sci-fi e terror, realizado de modo independente, com atores péssimos, produção tosca, mas com muita disposição em divertir um grupo específico de cinéfilos que adora exemplares que de tão ruins, tão mal feitos, se tornam ótimas diversões.

Há um tempo atrás cheguei a me questionar quanto a isso, mas não tem jeito: levando em conta o cinema atual, com suas cada vez mais raras exceções, prefiro sentar no sofá e desfrutar uma porcaria sem pretensão alguma, realizado orçamento minúsculo, como é o caso de BIOHZARD, do que ir ao cinema ver esses filmes pretensiosos que se levam a sério, superproduções das quais foram investidos rios de dinheiro, mas não chegam aos pés de tranqueiras que não possuem preocupação em atrair um grande público ou ganhar o Oscar de efeitos especiais (mas nada contra a este tipo de filme também).

vlcsnap-2011-12-11-12h56m39s51vlcsnap-2011-12-11-12h56m50s175E BIOHAZARD é um charme em vários sentidos. Não são poucas as vezes que aparece um microfone nos cantos da tela, ou então algum assistente de produção querendo fazer um ponta onde não devia, entre outros momento de rachar o bico. Se há algum elemento de qualidade é o trabalho de maquiagem de Jon McCallum. O próprio Fred costumava trabalhar como maquiador, mas nos seus próprios filmes deixava nas mãos de pessoas mais competentes este serviço fascinante e o resultado aqui é muito bacana.

Segundo o próprio diretor, BIOHAZARD é uma espécie de episódio da série de TV The Outer Limits combinado com bastante gore em efeitos de maquiagem. O filme é sobre uma experiência num laboratório secreto que dá errado, liberando uma criatura de outro mundo que causa o terror na cidadezinha onde o filme se passa.

biohazard3A criatura, só para constar, tem o tamanho de um garoto de cinco anos. Na verdade, quem estava dentro da fantasia era realmente um garoto de cinco anos, o filho de Fred.

Destaque para a cena em que um mendigo pendura um pôster do filme ET, do Spielberg, encontrada no lixo, e a criatura, na primeira oportunidade que tem, rasga e pisa em cima ferozmente! hehe! E também para o elenco, que conta com o grande Aldo Ray no papel de um general e outros colaboradores de Fred, a maioria um bando de desconhecidos que devem ser amigos do diretor. E, claro, a exuberante Angelique Pettyjohn, já velha conhecida desde os produtos B do fim dos anos 60. Tenho certeza que os cuecas de plantão vão gostar de algumas cenas com ela exibindo seus belos atributos mamários…

biohazardtits

Anúncios

4 pensamentos sobre “BIOHAZARD (1985)

  1. Pingback: HONEY BRITCHES, aka DEMENTED DEATH FARM MASSACRE… THE MOVIE (1971/1986) | DEMENTIA¹³

  2. Toda vez que eu leio o nome de Fred Olen Ray só consigo me lembrar de “Inner Sanctum” com Tanya Roberts, que teria inclusive coreografado suas cenas de sexo no filme.

    • Opa, valeu.
      Não possuo os links… Todos os filmes que vejo e comento por aqui eu encontro pra baixar na net, pesquisando no google ou em trackers privados como o Cinemageddon.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s