INVENTÁRIO EUROCULT #13

Rafael Medeiros é um sujeito gente boa, aficcionado por Tokusatsu e mantém o blog Cine Tosco. É ele quem enviou a lista com os seus filmes europeus de gênero favoritos para o Inventário Eurocult dessa semana. Uma lista bem curiosa, aliás, com um ou outro título habitual, mas recheado de surpresas que nunca imaginei que veria nessas listas. Viva a diversidade:

6ugL0nkAk9AcraN6ZActTfsuq7G taxidermia_xlgO GABINETE DO DR. CALIGARI (Das Cabinet des Dr. Caligari, Alemanha, 1920);
Dir. Robert Wiene, com Werner Krauss e Conrad Veidt

HAMLET (Reino Unido, 1948);
Dir. Laurence Olivier, com Laurence Olivier, John Laurie e Anthony Quayle

O INCRÍVEL EXÉRCITO DE BRANCALEONE (L’Armata Brancaleone, Itália/França/Espanha, 1966); Dir. Mario Monicelli, com Vittorio Gassaman, Gian Maria Volonté e Barbara Steele

A DUPLA EXPLOSIVA (…altrimenti ci arrabbiamo!, Itália/Espanha, 1974);
Dir. Marcello Fondato, com Terecen Hill, Bud Spencer e Donald Pleasence

O ANTICRISTO (L’anticristo, Itália, 1974);
Dir. Alberto De Martino, com Carla Gravina, Mel Ferrer, Arthur Kennedy e Alida Valli

CANIBAL HOLOCAUSTO (Cannibal Holocaust, Itália, 1980);
Dir.: Ruggero Deodato, com Robert Kerman, Francesca Ciardi e Perry Pirkanen

HELLRAISER: RENASCIDO DO INFERNO (Hellraiser, Reino Unido, 1987);
Dir. Clive Barker, com Andrew Robinson, Claire Higgins, Ashley Laurence e Doug Bradley

A VIDA É BELA (La vita è bella, Itália, 1997)
Dir. Roberto Benigni, com Roberto Benigni e Nicoletta Braschi

[Rec] (Espanha, 2007)
Dir. Jaume Balagueró e Paco Plaz, com Manuela Velasco e Ferran Terranza

TAXIDERMIA (Hungria/Áustria/França, 2006);
Dir. György Pálfi, com Csaba Czene, Gergely Trócsányi e Marc Bischoff

Hellraiser-UK-poster

Anúncios

18 pensamentos sobre “INVENTÁRIO EUROCULT #13

  1. Pingback: INVENTÁRIO EUROCULT | DEMENTIA¹³

  2. Escolhi meus favoritos, lógico muito coisa ficou de fora, mas cada um desses filmes me marcaram muito.

    Holocausto Canibal por exemplo, sou tão viciado neste filme que usei a trilha sonora em meu casamento…

    Eu curto muito o comediante Roberto Benigni, por mim ele poderia fazer um filme por ano como Woody Allen que ficaria muito contente.

    O Gabinete do Dr. Caligari transformou cinema em uma nova arte.

    REC é “O” falso documentário do novo milênio…e sua surpreendente continuação é tão boa quanto este. Cheguei a filmar trechos de REC BRAZIL na minha cidade inspirados neste filme, infelizmente tive tantos problemas na produção que abandonei as filmagens com muito material comprado e algumas cenas incompletas.

    Laurence Olivier consegue transformar Shakespeare num filme agradável e esquecido…vale salientar, primeiro filme totalmente não americano a vencer o Oscar de Melhor Filme, sem contar que não tem como subestimar um filme com Christopher Lee e Peter Cushing quase em início de carreira.

    Hellraiser é mais impactante que qualquer slasher movies dos anos 80, e sim, eu curto muito sua continuação, infelizmente quando os americanos tomaram conta da franquia, ela decaiu miseravelmente.

    Bud Spencer e Terrence Hill fazem parte de minha infância, aquele tapa de mão aberta do Spencer é humilhantemente hilário. Uma pena que nunca fizeram um crossover com os Trapalhões.

    O 1º filme de Brancaleone é uma das coisas mais divertidas que o cinema italiano já criou.

    O Anticristo é uma cereja no bolo, provocou um impacto muito grande nos tempos que garimpava VHS no final dos anos 80. Naqueles tempos eu não tinha visto O Exorcista.

    E pra fechar Taxidermia, pqp, um filme incomum, episódico, bizarro, impactante. Hollywood ainda não descobriu este diretor…ainda bem.

    • Legal os comentários de cada filme, Rafael. É bom que dá pra ter uma noção maior da ligação que você tem com essas escolhas. Valeu!

  3. desta lista ainda não assisti ” TAXIDERMIA,REC “,o resto todos são bons filme principalmente esse com Terence Hill & Bud Spencer ” DUPLA EXPLOSIVA ” Putz! este filme já não passa na TV Aberta há anos ultima fez passou em “CORUJÃO” pois eu ate gravei o filme e tenho a fita ate hoje.

    • Os filmes dessa dupla fizeram a minha alegria na infância. É triste saber que as crianças de hoje nem sabem da existência de Terence Hill & Budd Spencer… 😦

      • voce tem razão,Perrone!era otimo assistir aos filmes desta dupla na tardes da Globo..mas agora os tempos são outros e o mundo esta dominado por um geração que assiste um filme e depois nem sabe direito o que assistiu.. “geração: filmes descartaveis ” é lamentavel mas a vida é assim ….

  4. Nunca esperaria encontrar HELLRAISER numa lista dessas, mas sem dúvida nenhuma, o filme foi um forte sopro de renovação para o gênero. Para mim, é só o primeiro mesmo e também gosto muito de MESTRE DAS ILUSÕES, um filmaço meio subestimado. Na minha opinião, a curta carreira de Barker como diretor já vale por grande parte da carreira de Wes Craven. E estou aguardando “The Scarlet Gospels”, livro dele que vai mostrar Harry D’Amour vs. Pinhead!
    Ah, e é sempre bom ver um filme da dupla Hill/Spencer numa lista! 🙂

    • Só discordo desse trecho: “Para mim, é só o primeiro mesmo”. Acho o segundo muito bom e o terceiro um belíssimo horror movie subestimado dos anos 90. O quarto é bem problemático, mas tem alguns momentos, e o quinto também é bem legal. O resto eu não vi.

        • Ah, fique à vontade para discordar, hehehe! Eu até gostava muito do segundo, mas não resistiu a várias revisões. Gosto muito da visão do Inferno, mas achei que era melhor ter deixado a origem do Pinhead envolto em mistério. Escancararam demais e esse é o mal desses filmes modernos (prequel, “a origem”). E não gostei dos Cenobitas terem ficado “bonzinhos”… Eles perderam aquela postura meio neutra, que os deixavam muito mais sinistros. O terceiro contém os piores Cenobitas que já vi, rs: Cenobita Cocktail, Cenobita DJ, etc. O resto da série não me é memorável, mas gosto mais ou menos de um com o Nicholas Turturro. Mas não ligue não, é só a opinião de um ranzinza chato… 🙂
          Ronald, os LIVROS DE SANGUE são ótimos e estou lendo, no momento, A TRAMA DA MALDADE (Weaveworld), do qual estou gostando muito.

          • Opa, valeu a dica! Vou atras desses. 😀

            E não ligue também, eu que sou um espectador pouco exigente e me divirto muito fácil com certos tipos de filmes… hehe!

        • Coisa legal de Hellraiser III: O clip do Motörhead com o Lemmy jogando pôquer com o Pinhead (devia jogar truco, já que com aqueles pregos na cabeça deve ser mais colar a carta na testa dele 😛 )

          Coisa ruim: Na cena de sexo o cara tampa os peitos da muié com as mãos. Se era para esconder, para quê botar cena de transa? :-@

  5. Não conheço muitos dos filmes dessa lista. Vou procurar, mas por enquanto afirmo sem medo que Hellraiser, o primeiro, é maravilhoso. Falando nisso, pergunto se tu já viste o filme “O Último Trem”. É um filme baseado em escritos do Clive Barker. Há momentos fracos, mas no saldo geral, achei um filme bom. Nada memorável, mas ainda assim divertido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s